Liberdade?

Janeiro 21, 2021

Liberdade?

Afinal o que é ser livre? Será que somos realmente livres? No artigo 1º da Declaração Universal dos Direitos Humanos, está escrito o seguinte: “Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e em direitos. Dotados de razão e de consciência, devem agir uns para com os outros em espírito de fraternidade.” Será mesmo assim? Ou será este princípio uma utopia?

Muitas sociedades, que se consideram sociedades evoluídas, acreditam que a falta de liberdade faz parte do passado, mas quando vamos analisar mais ao pormenor percebemos que não é bem assim. Somos livres sim, num sistema organizado que nos permite manifestar os nossos pensamentos e podemos fazer as nossas escolhas, tendo sempre em conta que é fundamental respeitar o espaço e a liberdade dos outros. Somos livres sim, até certo ponto, mas nem todo o ser humano pode dizer o mesmo.

Infelizmente a liberdade não é um privilégio de todos habitantes do nosso planeta. Muitos nasceram em países em que a liberdade está longe de ser um direito adquirido. Se observarmos de um ponto de vista mais global, verificamos que em certos países basta, por exemplo, ter nascido mulher. Este simples facto é suficiente para lhe ser retirada toda a liberdade e ficar sujeita às normas vigentes que não lhe permite usufruir de direitos tão básicos como o acesso à educação, conduzir um carro, votar ou simplesmente expressar o seu pensamento e ideologia. Noutros países, as guerras privam o ser humano da sua liberdade de forma atroz, pelo que a urgência de fugir é inevitável, pois em causa está uma necessidade tão básica como o instinto de sobrevivência.

Numa esfera menos global e mais direcionada para os relacionamentos interpessoais, constata-se que há muitas pessoas que nascem num seio familiar conflituoso e a violência faz parte do dia a dia. Há muitas crianças que trabalham arduamente e são vergonhosamente exploradas e não conhecem o significado da palavra infância. Há muitas crianças, muitos homens e mulheres que, com a conivência do próprio Estado, são raptados, aprisionados, escravizados, espancados e mutilados, sem que tenham a possibilidade de escolher um caminho diferente.

Poderíamos fazer uma lista interminável de eventos que roubaram a liberdade de inocentes sem qualquer tipo de remorsos. Basta recordarmos o Esclavagismo, a Inquisição, o Holocausto, a caça às bruxas (que ainda existe em alguns países) e as inúmeras guerras que têm vindo a acontecer no mundo inteiro e ao longo da história. Basta lembrar que a falta de liberdade de pensamento e de imprensa, por exemplo, ainda nos dias de hoje encaminha pessoas para as prisões e para a morte. Até mesmo o próprio sistema económico pode impelir homens e mulheres para um tipo de aprisionamento.

A liberdade é um conceito tão amplo, que pode ser dividido de forma a especificar as áreas que abrange, como é o caso::

Resumindo, homens e mulheres podem ser privados da sua liberdade, seja através do sistema político, económico, social ou mesmo nos relacionamentos interpessoais e nem sempre encontram uma brecha para encontrar a tão desejada liberdade. Num mundo onde a justiça e a bondade do ser humano deixam muito a desejar, há milhões de pessoas que são privadas deste direito básico. Muitas vezes, não há escapatória possível e muitas vivem num sofrimento imensurável toda uma vida. Outras podem fazer as suas próprias escolhas e lutam para encontrar o caminho que as leva à liberdade.

O dia 23 de janeiro foi o dia criado pela ONU para celebrar o Dia Mundial da Liberdade. Um dia que nos faz questionar e reivindicar o que é nosso de direito: a liberdade, um bem precioso. No entanto, é importante não confundirmos o conceito. Liberdade não é fazer e dizer tudo o que nos apetece a quem nos apetece. Liberdade não é oprimir só porque se está numa posição com algum tipo de poder. É essencial que tenhamos em conta que o respeito e a empatia não estão dissociados da palavra liberdade.

 

#diamundialliberdade #liberdade #direitoshumanos #religiao #expressao #imprensa #reuniao #associacao #23janeiro #ilhadamadeira #mavipp



  • Qualidade vs Preço
    Qualidade vs Preço

    O preço é importante: Oferecemos a melhor combinação custo benefício.

  • Apoio ao Cliente
    Apoio ao Cliente

    Os nossos empregados são os melhores: Temos sempre alguém para esclarecer as suas dúvidas.

  • Garantia de Satisfação
    Garantia de Satisfação

    Garantimos a qualidade do nosso produto, assim como o melhor aconselhamento aumentando a satisfação dos nossos clientes.

  • Compra Simplificada
    Compra Simplificada

    Facilitamos as encomendas por telefone, whatsapp, email ou loja-online.

  • Multibanco
    Multibanco

    Efetue os seus pagamentos por multibanco.

© 2022 Mavipp - O Fornecedor de Papel, Plástico e Químicos de Machico - Todos os Direitos Reservados
desenvolvido por nível criativo